Número total de visualizações de página

sábado, 11 de setembro de 2010

ESPERANÇA PARA A CAMADA DE OZÔNIO?

"Os níveis de clorofluorcarbonos (CFCs) na atmosfera finalmente começaram a diminuir", relata a revista Ecos, publicada pela Organização de pesquisa Cintífica e Industrial da Comunidade Britânica, da Austrália (CSIRO). Os CFCs na atmosfera danificam a camada de ozônio, que protege a terra. Durante 50 anos, a quantidade de CFCs presente na alta atmosfera teve um aumento constante até o ano 2000. Desde então, as concentrações de CFCs tem "diminuido quase um por cento ao ano", declara a revista Ecos. Essa diminuição, segundo a reportagem, "sugere que o buraco na camada de ozônio poderia fechar por volta da metade deste século". No entanto, essas substâncias químicas ainda estão causando dano. A reportagem declara: "Apesar da diminuição, o buraco na camada de ozônio sobre a região antártica este ano...atingiu aproximadamente 29 milhões de quilômetros quadrados, mais de três vezes a área da Austrália." (Fonte: Revista Despertai)

Sem comentários:

Enviar um comentário